lixos pós jogo d Copa

quinta-feira, 19 de março de 2015

PERDOAR OU VINGAR ?

“Não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira, porque está escrito: Minha é a vingança; eu recompensarei, diz o Senhor”,   (Romanos 12:19). É difícil, muito difícil, no calor de uma contrariedade, colocar em prática este ensinamento da Bíblia Sagrada. É preciso estar em espírito e ter muita fé em Deus.   

A Bíblia não diz que a pessoa de quem queremos nos vingar ficará impune. Nada disso. Mostra que, assim como numa família equilibrada, na qual cabe aos pais castigar um filho, quando este comete um erro contra um irmão, e não ao irmão vítima, como forma de vingança, Deus, e somente Deus, é dono do papel de vingador. Evidente que como em tudo na Bíblia é preciso fé para esfriar a cabeça e deixar Deus agir. Mas não tenham dúvidas, Ele o fará. Sempre. Podemos observar isso em várias passagens bíblicas, e não apenas em Romanos. Confira em Levítico 19:18. “Não te vingarás nem guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o Senhor.” Saiba que o fato de perdoar é para seu próprio bem, não que você esteja errado em pedir justiça do Senhor, é para que o mau que causa a ira não venha te trazer doenças do corpo ou da mente .  Não quero avaliar o mérito dessa escolha, porque ela é muito pessoal. Não quero discutir se os motivos que levam a cultivar esse sentimento destrutivo são ou não justos. Quero apenas refletir com você, leitor, sobre as conseqüências disso, pois acredito que a maioria não tem consciência do sofrimento e do mal que isso lhes causa.

Quem já não ouviu frases do tipo: "Juro que nunca mais vou me esquecer do mal que você me fez", ou, então, "Não vou lhe perdoar nunca...", ou, ainda, "O que você me fez não merece perdão", etc. etc.? Repito: Por maior que seja o motivo que gera esse sentimento, não vale a pena guardá-lo e muito menos alimentá-lo.

Quando você fica ruminando alguma raiva, mágoa ou qualquer sentimento negativo por alguém, a imagem dessa pessoa passa a persegui-lo como se fosse uma sombra! Você dorme e acorda com ela – isso quando não tem insônia. Aonde quer que vá, essa pessoa estará sempre junto de você. É como um pesadelo, uma mala pesada e sem alça! Imagine alguém que você amarra ao seu corpo e carrega para todos os lugares. Funciona mais ou menos assim! Essa pessoa, sem que você queira, passa a ter domínio sobre as suas ações. Você se torna escravo dela. Acha justo isso? Que benefício esse sentimento lhe traz? E o pior disso é que você se torna tóxico para os outros quando está recheado desses sentimentos. E para quê? Pare com isso! Livre-se logo desse veneno. Liberte-se desse ácido que está corroendo o seu corpo e alimentando a sua dor. Há ainda uma outra coisa que preciso lhe dizer: saiba que, atrás de uma ofensa, de uma crítica destrutiva, quase sempre se esconde uma pessoa invejosa; uma pessoa infeliz e indigna de sua atenção e do seu respeito. Por isso, não permita que esse tipo de gente, que vive da miséria humana, coloque dentro do seu coração um sentimento indigno de um cristão. A paz que você tanto deseja não pode habitar um coração ressentido. Tenha compaixão delas. Perdoe setenta e sete vezes sete, ensinou o Mestre. Não que para isto você a esqueça o mal que ela lhe causou o dano foi grande , mais cabe a Deus vingar, ensinando o ofensor e o injusto esta lição e não há´a você. Ame a si mesmo, libertando deste sentimento e levando sua vida jogando no mar do esquecimento esta pessoa, e deixando ela na mão do vingador no bom sentido o nosso Deus é que julga nossas causas .  Presenteie seu inimigos mostrando sua saúde mental e física perfeita , sua felicidade não foi abalada pelo que ele praticou. Isto vai devolver a ele uma culpa ! do mal que ele causou e quando o nosso Deus o vingar , ensinar que não se deve fazer mal a ninguém ele lembrará do mal que lhe causou . ,as pessoas que conheci e que já se foram cometido pelo câncer,foram pessoas que guardavam muita raiva e rancor das pessoas que lhe fizeram mal,pois,essa doença além de ser hereditária também se manifesta através de sentimentos de muita mágoa e rancor no decorrer dos seus anos de vida!
              Doenças que os Médicos Não consegue diagnosticar 
  • os exames médicos não conseguem descobrir uma origem orgânica ou biológica para o sintoma." Em outras palavras, sentimentos doentios como rancor, ódio, inveja, ciúme podem gerar enfermidades no corpo, muitas delas bem graves.
    O rancor é um dos sentimentos mais lembrados quando se fala em doenças psicossomáticas. Veja uma lista de doenças que ele pode ocasionar:
    1. Doenças cardiovasculares: hipertensão, angina, taquicardia
    2. Doenças gastrointestinais: gastrite, úlcera, síndrome do intestino irritável
    3. Doenças respiratórias: asma, bronquite e outras
    4. Doenças dermatológicas: herpes, urticária, enfisema
    5. Doenças do sistema nervoso: enxaqueca, vertigens e outras
    6. Doenças endocrinológicas e metabólicas: obesidade, diabetes
    7. Doenças das articulações: tendinite, artrite e outras
    8. Dores e tensões musculares
    9. Doenças infecciosas
    10. Doenças autoimunes
    11. Câncer
    12. Também pode ocasionar transtornos mentais e comportamentais
    Como podemos observar, cultivar o rancor traz inúmeros prejuízos para a saúde do corpo e da mente. Além disso, prejudica nossas relações interpessoais e nos priva de gozar plenamente da vida.
  • Gostaria de acrescentar que guardar mágoa afeta também nossa espiritualidade. No Novo Testamento, vemos Jesus Cristo dando ênfase em deixarmos a mágoa e o orgulho de lado e buscarmos a reconciliação com aqueles que nos ofenderam: "(...) vai reconciliar-te primeiro com teu irmão, e depois vem e apresenta a tua oferta." (Mateus 5:24) Isso significa que é impossível chegarmos a Deus sem antes nos livrarmos do rancor e de outros sentimentos que afetam negativamente nosso relacionamento com o próximo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário